21 2273-0041
2273-7546
2293-4829
96422-0770
ID Nextel: 88276*150

Visite nosso Facebook:

Bomba da piscina

Manutenção da bomba da piscina

Confira mais sinais de que está na hora da manutenção da bomba da piscina:

Alagamento da casa de máquinas: em muitos locais, a bomba fica localizada dentro da casa de máquinas. Esta por sua vez, quase sempre é construída na parte mais baixa do terreno. Nos meses de chuva intensa, pode ocorrer o alagamento da casa de máquinas, deixando a motobomba submersa. Se isto ocorrer, infelizmente a motobomba deverá ser encaminhada a manutenção. Ela deverá ser recolocada no local somente após o problema do alagamento ter sido resolvido. Caso contrário, a cada submersão, deverá ser realizada uma nova manutenção.

Bomba não liga: as principais causas que fazem com que a motobomba não ligue são: pane elétrica e aquecimento em excesso. No primeiro caso, a bomba deverá ser encaminhada a uma oficina especializada. Já no segundo caso, muitas vezes adequar o local de instalação da bomba, tornando-o mais ventilado já resolve o problema.

Bomba barulhenta: por mais silenciosa que seja sua bomba, ela sempre emitirá algum ruído característico. Se você perceber um aumento no volume deste ruído ou que ele esteja diferente do normal, é quase certo que sua bomba está operando com algum defeito.

Este defeito pode ser simplesmente uma cavitação. Isso acontece quando a bomba está trabalhando com uma quantidade de água inferior a necessária. O problema pode ser facilmente resolvido, ou se for algum problema mais grave, deverá ser solucionado por uma empresa especializada em bombas.

Bomba puxando ar: as bombas de piscina são projetadas para puxar água. Entretanto devido a alguns vazamentos, a bomba poderá puxar além de água também o ar. Dependendo do tamanho deste vazamento, quantidade de ar aspirado poderá ser superior a quantidade de água. A solução deste problema é bastante simples, compreende a vedação dos vazamentos e entradas de ar.

Confira a parte 1 desta matéria.

POSTS RELACIONADOS